Quão alto eu poderia ir

Pessoal, aguardem que vem novidades maravilhosas por aí ;)
setembro 13, 2016
Composições Feitas por Mim
setembro 13, 2016

Sobre saber o que fazer da vida…

Alguns meses atrás estava eu cantando em um igreja e um dos jovens que apresentava ou coordenava o sorteio de brindes me chamou a atenção.

Ele tinha cara de nerd, usava óculos, magrinho, cabelo enrolado, sabia sorrir e era muito engraçado. Com seu jeito descontraído transformou aquele momento, geralmente muito demorado (pra não dizer chato) em um momento muito legal. Ao final ele veio falar comigo sobre a minha música “Me leva” , falava que havia sido importante pra ele e tal.

Nessa conversa, em um determinado momento eu perguntei :

– Em que vc trabalha?
– Trabalho com economia.

Lembro que não consegui esconder o espanto e soltei:

– Sério? Nossa, imaginava outra coisa!

Continuamos conversando e percebi que ele não estava feliz exercendo sua profissão, falei:

– Acho que você iria gostar de fazer comunicação.

Ele ficou todo animado com a ideia. Acabei colocando uma pulga atrás de sua orelha . Não sei se ajudei ou compliquei.

O fato é: quem pode dizer que é feliz com a profissão que escolheu?

Eu acho que já posso pensar em levantar esta bandeira, já fiz tanta coisa nessa minha pouca vida que acho já estar apta a pelo menos falar sobre isso.

Quem conhece a minha história um pouquinho já percebeu que caminhos errados são sempre a minha primeira opção, até mesmo porque você só descobre que era errado quando chega lá.

Minha mãe era uma simples costureira e ela não via a música me sustentando (ainda estou tentando ver tbém rsrs).  Talvez pensando no futuro, na velhice, queria que eu fizesse Enfermagem, acabei fazendo Educação Física porque era uma boa jogadora de futsal. Motivos muito bons!! (tem uma ironia aqui)

Mas é claro que este não era o caminho! Tem um discurso usado pra amenizar sua escolha  ruim que é – não, mas toda tentativa é um aprendizado! só que É UMA PERDA DE TEMPO TAMBÉM!!!!!

O segredo é descobrir o que te dá prazer fazendo?

Sim. Mas não é só isso. Você tem que descobrir sua vocação, ver as opções de mercado e estar disposto a enfrentar isso.  O RESTO DA SUA VIDA!!! Todas as escolhas tem suas dificuldades mas todas as dificuldades podem revelar um outro talento seu!!! (isso não é coaching, odeio coaching). É serio, tem muita gente que não está afim de saber se sabe fazer outra coisa por pura preguiça.

Agora claro,
não é fácil se manter lúcido!
Veja meu não exemplo:

depois de fazer Educação Física, um semestre de música, curso de Massoterapia e Planejamento de coleções pós gradação em Docência Universitária, eu me descobri artista. Sim!

Agora vem outra “treta”, aceitar que isto é profissão, entender o ócio criativo e me dar ao luxo de ter tempo pra pensar. Voltando pra terapia em 3,2,1..

Da pra dar uma pirada?

Sim. Mas antes tarde do que nunca gente! Estou feliz vivendo da minha arte.  É possível? não sei se para todos. Afinal tem muita gente com vontade mas sem nenhuma autenticidade, palavrinha extremamente importante para um verdadeiro artista.

É fácil? nem um pouco! Como em toda a área, mas já que terá que se esforçar se esforce colocando sua energia no lugar certo! Pelo menos será mais fácil sorrir no fim do dia. E o que Deus tem haver com isso? Nada. É uma escolha sua! Não devolva pra Ele responsabilidades que são apenas suas! 😉